Social Icons

Pages

segunda-feira, 3 de outubro de 2011

Calor Excessivo: Veja doenças provocadas pelo Calor


do UNIVERSO FEMININO


DIAS DE MUITO CALOR: SAIBA QUAIS SÃO AS DOENÇAS PROVOCADAS PELO CALOR.


Calor excessivo, o corpo fica vulnerável a alergias, doenças de pele e dos olhos. 


A intensidade das doenças provocadas pelo calor varia de leves (exantema cutâneo, síncope, cãibras) à graves (exaustão, lesões, choque térmico ou insolação). Apesar de qualquer pessoa poder apresentar essas doenças provocadas pelo calor, há um aumento do risco associado à uma série de fatores ambientais, características pessoais, condições de saúde e medicamentos.


O risco de graves doenças provocadas pelo calor podem ser dramaticamente diminuídas por meio de várias medidas para combatê-las, como a aclimatação ao calor, controle da exposição ao estresse térmico e manutenção da hidratação.


Atletas, técnicos, equipe técnica e equipe médica devem estar atentos para os sinais e sintomas de doenças provocadas pelo calor. Se houver sinais de advertência e se o organismo for resfriado rapidamente, é possível evitar graves doenças provocadas pelo calor. Se houver suspeita de um choque térmico, o corpo deve ser imediatamente resfriado, seja pela imersão em água fria ou envolvendo o corpo com água fria ou gelada. O choque térmico é uma causa persistente de morbidade e mortalidade em populações de idosos e indivíduos mais propensos por diferentes motivos. Em média, aproximadamente 250 a 400 pessoas morrem anualmente por causa da insolação nos Estados Unidos, mais que 1700 pessoas morreram durante a onda de calor no verão de 1980 e 700 mortes pela mesma causa foram documentadas em Chicago em 1995 (CDC - Centers for Disease Control and Prevention, 2003). Um relatório recente indica que de 1979 a 2002, 4780 mortes foram atribuídas à exposição ao calor extremo.


O choque térmico é certamente um grave problema de saúde pública. É mais provável que ocorra durante a exposição aos ambientes quentes e/ou úmidos, mas isso também pode acontecer em regiões temperadas, acometendo principalmente aqueles que praticam atividade física intensa e prolongada.


As doenças mais leves provocadas pelo calor incluem cãibras e síncopes. As cãibras provocadas pelo calor são marcadas por intensos espasmos musculares, tipicamente nas pernas, braços e abdome. As cãibras provocadas pelo calor são conseqüência da redução de líquidos e sódio e é mais comum entre indivíduos que não estão completamente aclimatados para realizar um programa de atividade muscular intensa sob calor.


A síncope (desmaio) caracteriza-se pela vertigem (tontura) e fraqueza durante ou após permanecer em pé por tempo prolongado ou após levantar-se depois de permanecer deitado ou sentado em ambiente quente. A síncope é resultado do acúmulo de sangue na circulação venosa da pele e dos músculos da perna, sendo mais freqüente em indivíduos desidratados, que não se exercitam e que não estão aclimatados.


Doenças graves provocadas pelo calor. Essas incluem a exaustão, lesões e o choque térmico(insolação). Há muita sobreposição das características de diagnóstico dessas condições e sugeriu-se que elas variam de acordo com uma escala contínua de gravidade.


Exaustão pelo calor é uma condição moderada/grave que se caracteriza pela incapacidade de manter o débito cardíaco e a presença de temperatura corporal moderada (>38.5°C) a alta (>40°C). O quadro também costuma incluir pele quente e desidratação.


Lesão provocada pelo calor é uma condição que pode ser moderada a grave, caracterizada pela lesão a um órgão (ex., fígado, rins, intestinos, músculos) e normalmente, mas nem sempre, com alta temperatura corporal ? >40°C.


O choque térmico é um quadro grave caracterizado pela disfunção do sistema nervoso central (ex. confusão, desorientação, comprometimento do julgamento) e costuma ser acompanhada por um aumento da temperatura central acima de 40,5°C. É importante enfatizar que pacientes com temperatura central acima de >40°C não necessariamente apresentam a lesão ou golpe pelo calor; deve-se considerar o quadro clínico como um todo, incluindo o quadro mental e resultados laboratoriais. Algumas vezes, indivíduos que sofreram o choque térmico apresentam comprometimentos profundos na função cerebral, marcados pelas alterações cognitivas que podem ser percebidas precocemente. Além disso, pode haver complicações causadas por lesões hepáticas, rabdomiólise (quebra do tecido muscular), presença de coágulos amplamente distribuídos (coagulação intravascular disseminada), desequilíbrios hidro-eletrolíticos e insuficiência renal.


Doenças que vem com o calor


Alergia a Insetos: forma feridas ou caroços na área da picada. Em alguns casos há infecção. O tratamento é com substâncias calmantes no local, pomadas de corticóides e vacinas para criar anticorpos. Em alguns casos forma-se impetigo, a inflamação com ou sem bolhas e crostas.


Brotoejas: erupções com coceira no tronco e em dobras por excesso de transpiração. Para aliviar, pode-se aplicar maisena ou pasta d'água no local, segundo a médica Isabella de Forneiro. Para prevenir, use roupas arejadas, evite banhos quentes e sol das 10h às 16h.


Eczema: atinge 15% da população infantil. A forma atópica é causada por distúrbio do sistema imunológico associado a fatores ambientais e familiares. Caracteriza-se por pequenas bolhas com secreções, descamações, ressecamento e coceira, principalmente na face de bebês; cotovelo e atrás do joelho em crianças maiores. O tratamento local é com imunomoduladores, corticosteróides e hidratantes. Deve-se evitar ambientes e banhos quentes.


Queimadura do Sol: inflamação aguda da pele devido a excesso de radiação solar, principalmente UVB (10h às 16h). Bolhas indicam queimadura de segundo grau, exigindo mais cuidado. O tratamento é com compressas geladas, cremes calmantes e hidratantes com aloe vera e camomila ou corticóide. Às vezes é preciso usar sedativos receitados por médico. As bolhas devem ser drenadas, perfurando-as com agulha esterilizada sem tirar a pele.


Como Prevenir



Beba mais líquidos (sem álcool), independentemente do seu nível de atividade. Não espere até ter sede.


Não beba líquidos que contêm cafeína, álcool ou grandes quantidades de açúcar, provocam a perda de água do corpo. Evite igualmente bebidas muito frias, uma vez que podem provocar cãibras no estômago. 


Vista roupa leve, de cores suaves e não apertadas. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Para Segurança de nossas leitoras todos os comentários serão supervisionados antes de serem publicados.

Tire suas dúvidas, comente, mostre sua opinião.